Para Paulo Porto, esporte deve promover inclusão social

Para Paulo Porto, esporte deve promover inclusão social

Cascavel (16 de fevereiro) – O vereador Paulo Porto (PCdoB) reuniu-se nesta quarta-feira (16) com o secretário de Esportes de Cascavel, Wanderley Faust, para colocar o mandato parlamentar à disposição no sentido de colaborar com políticas públicas voltadas ao esporte como ferramenta de inclusão social.

Para o vereador, além das modalidades de alto rendimento, o município deve trabalhar o esporte de base, enquanto atividade de formação e humanização. “Entendemos o esporte enquanto cidadania, no seu caráter formador. Nós defendemos políticas públicas que caminhem neste sentido. Esse é o papel do Estado levar o esporte onde geralmente não chega, para quem está à margem desse processo”.

Porto citou como exemplo projetos de base voltados ao basquetebol de rua, hip-hop e o skate. “Precisamos colocar a cidade de Cascavel no cenário do skate nacional, como em outros tempos, sediando etapas regionais e estaduais de competições. Temos grandes valores nesse esporte, daqui já saíram skatistas reconhecidos mundialmente”.

O parlamentar ainda colocou o mandato à disposição da Semel para abrir um canal de diálogo com o Ministério dos Esportes, junto ao ministro Aldo Rebelo, também do PCdoB. “Nosso mandato se compromete a ser essa ponte com o Ministério na busca de recursos e projetos para o esporte cascavelense”, concluiu Porto.

A reunião na Semel contou com a presença do assessor especial de gabinete, Madson de Oliveira, e o gerente da Secretaria de Esportes e Lazer, Fábio Brugnerotto.

Legenda: Reunião desta quarta-feira na Secretaria de Esporte e Lazer de Cascavel
Crédito: Júlio Carignano